Aprenda a organizar o seu Home Office para maximizar a produtividade!

Aprenda a organizar o seu Home Office para maximizar a produtividade!
13/08/2020
Por CarbonTech

Um Home Office bem equipado, organizado e decorado pode até parecer uma coisa um tanto supérflua, pois, a princípio, basta um computador com acesso a internet para que você possa fazer o seu trabalho, porém na prática é um pouco diferente. Detalhes como iluminação, conforto, acessórios e o local certo podem (e de fato ajudam) você a ser mais ágil e produtivo durante suas horas de trabalho. Então aprenda a organizar o seu Home Office para maximar a produtividade agora mesmo.

ESCOLHA DO LOCAL PARA MONTAR O SEU HOME OFFICE


O primeiro passo é a escolha de um local conveniente e adequado onde você poderá se dedicar ao seu trabalho. Esse local vai variar muito de pessoa para pessoa, pois há quem more sozinho, há quem seja casado e tenha que dividir o espaço com o cônjuge, e também há quem seja casado e tenha filhos que, nesse caso é o mais desafiador de todos. 

Estude o seu lar e veja qual seria o local mais adequado para fazer o seu espaço, tendo em mente que será um local onde você passará horas e horas todos os dias, portanto é fundamental que seja local arejado, bem iluminado, que tenha um espaço livre adequado para organizar as suas coisas e que te permita uma certa mobilidade. 

#Dica: cuide com locais como sala ou cozinha pois, a menos que você more sozinho, são locais onde mais pessoas estarão e onde há muita distração e isso pode afetar (e muito) o seu desempenho negativamente. Falando em desempenho, cuidado com as tentações como ligar a TV, ou “dar uma olhadinha” nas redes sociais, pois isso pode levar a horas de distração desperdiçadas.

 

HomeOffice Escolhendo o Local
Designed by rawpixel.com / Freepik

 

ESCOLHA DOS EQUIPAMENTOS


É fundamental também estudar quais os equipamentos serão necessários para você realizar suas tarefas tais como impressora, scanner, smartphone, e é claro um computador ou notebook com capacidade para rodar os programas que você precisará executar. 

Esses equipamentos podem variar muito de acordo com a necessidade de cada tarefa, por exemplo, se você for utilizar somente o navegador e o pacote office, um computador básico irá lhe atender, porém, se você for um publicitário que precise rodar programas como o Photoshop, Ilustrator, Corel Draw e etc já será necessário um computador mais potente. 

No caso das impressoras também irá variar, por exemplo, se você for usar para imprimir poucas páginas, uma impressora básica de jato de tinta irá ser o suficiente. Porém se você for imprimir várias páginas por dia, já se faz necessário o uso de uma impressora ou multifuncional a laser. 

 

HomeOffice
Foto de Tranmautritam no Pexels

 

ESCOLHENDO O COMPUTADOR

A escolha do computador ou notebook é um dos pontos mais importante (talvez o mais importante de todos), pois é através dele que você irá realizar o seu trabalho portanto escolha o seu com atenção. 

Antes de tudo você precisa ter em mente quais são os programas que você mais irá utilizar nas tarefas do dia a dia, isso é primordial, pois é a partir dessa lista que você irá definir qual a configuração será necessária. 

 

USO BÁSICO
Por uso básico é tido como consenso o uso de programas do Pacote Office da Microsoft, como o Word, Excel, Powerpoint, Outlook e etc, (ou programas equivalentes). Também o uso de navegador para acessar sites na internet para executar tarefas online. 

Nesse caso você pode optar por um computador mais básico com:

  • Processador: processadores da linha Intel Core i3,
  • Memória: memória com 4Gb já é o suficiente para executar as tarefas,
  • Armazenamento: ou seja, capacidade de salvar arquivos. No uso básico praticamente qualquer HD com 256 Gb ou mais já é o suficiente. A menos é claro que você necessite salvar uma grande quantidade de arquivos, então é será necessário um HDD maior é claro.
  • Placa de Vídeo: para o uso básico não é necessário o uso de placas de vídeo.
  • Sistema Operacional: sempre é bom verificar qual é o sistema operacional do computador que você está interessado. Praticamente todo computador novo atualmente vem com o Windows 10 instalado. Mas a cada dia é possível ver crescer o número de computadores sendo vendidos com Linux ou Chrome OS por exemplo. É muito importante ficar atento ao sistema operacional pois há programas que rodam somente em versões específicas, ou seja, se você optar por um tipo de sistema operacional talvez você não consiga instalar e usar alguns programas. 


USO INTERMEDIÁRIO
Por uso intermediário, podemos levar em conta todas as funções descritas acima mais a necessidade de executar programas mais pesados como programas de edição gráfico como Adobe Photoshop, Adobe Ilustrator ou Corel Draw, programas de edição de áudio, ou qualquer outro tipo de programa que exiga um desempenho um pouco maior em relação aos programas básicos. 

Nesse caso é interessante procurar um computador ou notebook com no mínimo a configuração abaixo:

  • Processador: processadores da linha Intel Core i5 ou Intel Core i7,
  • Memória: memória com 6Gb ou mais,
  • Armazenamento: dependendo da necessidade é interessante optar por HDDs com 1Tb ou mais. Optar por uma unidade de armazenamento com tecnologia SSD também é a melhor pedida, pois esta tecnologia possibilidade um carregamento mais rápido dos seus arquivos. 
  • Placa de Vídeo: nesse caso, embora seja possível rodar os programas sem uma placa de vídeo, é altamente recomendável o uso de uma principalmente se você for trabalhar frequentemente com edição de imagens ou edição básica de vídeos. Placas de vídeo da linha GeForce GT são uma boa pedida.
  • Sistema Operacional: como dito anteriormente, sempre é bom verificar qual é o sistema operacional do computador que você está interessado. 


USO AVANÇADO / PROFISSIONAL
Por uso avançado ou pesado, podemos levar em conta todas as tarefas acima a um nível profissional e a necessidades de efetuar múltiplas funções ao mesmo tempo. Podemos incluir aqui também o uso de programas para fins específicos como por exemplo a criação de desenhos ou projetos 3D como é o caso do AutoCad, Adobe Lightroom, Adobe Premier Pro, Corel Video Studio Ultimate, CyberLink PowerDirector 365, Cinema 4D, Solidworks entre outros. Nestes casos o nível de exigêcia do computador á alto, e ele precisa atender as exigências para cumprir com as tarefas. Se você fará o uso diário de alguns destes programas atente-se nos requesitos mínimos que cada um deles exige. Mas em todo o caso deve-se ter, pelo menos, as seguintes capacidades:

  • Processador: processadores da linha Intel Core i7 ou Intel Core i9,
  • Memória: memória com 8Gb ou mais (altamente recomendado 16Gb),
  • Armazenamento: como estamos lidando com uso profissional, aqui será necessário ter bastante espaço disponível mas também velocidade de acesso, ou seja, você deverá optar por um SSD (que mais rápido do que os HDDs convencionais) com capacidade de 1Tb ou mais. Dependendo da necessidade talvez seja necessário até mesmo o uso de um Storage (sistema NAS) para lidar com grandes volumes de dados e também pela questão da segurança de backup para evitar perdas de arquivos importantes. Optar por uma unidade de armazenamento com tecnologia SSD também é a melhor pedida, pois esta tecnologia possibilidade um carregamento mais rápido dos seus arquivos. 
  • Placa de Vídeo: para o uso profissional será necessário o uso de uma placa de vídeo, e não pode ser qualquer placa, sobretudo se você for trabalhar com edições de imagens, vídeos ou projetos 3D a nível profissional. Placas GeForce da linhas GTX ou até mesmo, em casos mais extremos placas de vídeo GeForce da linha RTX.
  • Sistema Operacional: como dito anteriormente, sempre é bom verificar qual é o sistema operacional do computador que você está interessado. 

 

Home Office Impressora
Negócio foto criado por freepik - br.freepik.com

 

ESCOLHENDO A IMPRESSORA

Como basicamente todas as impressoras fazem o mesmo é comum escolhermos pelo menor preço da impressora em si, ou uma relação entre o valor da impressora e do cartucho. Porém dessa forma podemos cair no engano do "o barato que sai caro".  Atualmente há diversos modelos de impressoras disponíveis no mercado das mais váriadas marcas. Pra te ajudar a escolher a sua próxima impressora vamos te dar algumas dicas:

QUAL SERÁ A FINALIDADE?
Você precisa analisar qual será o uso, por exemplo, será impresso muitas folhas por dia ou poucas? Será necessário imprimir colorido ou somente preto e branco é o suficiente? Tem necessidade de digitalizar/copiar documentos? Tenho espaço físico para instalar uma impressora pequena ou é possível acomodar uma grande? 

USO BÁSICO
Se você for imprimir poucas folhas por dia, mesclando folhas preto e branco e outras coloridas e, se não houver necessidade de digitalizar documentos, você pode muito bem comprar uma impressora comum de jato de tinta. Que são as mais baratas do mercado atualmente. Mas atenção, sempre verifique o modelo do cartucho e o seu valor para não ter surpresas na hora de comprar um novo cartucho. Os cartuchos das das impressoras mais baratas podem muito bem ter valores salgados. 

USO INTERMEDIÁRIO
Caso você precise imprimir um volume considerável de documentos diariamente, e não haja a necessidade de impressão colorida nem de digitalizar documentos, uma impressora de mesa a laser será a melhor pedida. Como as impressoras a laser não usam cartuchos de tinta, mas sim, toners, você conseguirá imprimir um volume de páginas muito maior gastando menos. Esse escolha pode lhe poupar um bom dinheiro no final de um ano de trablalho. 

Outro detalhe importante é que as impressoras comuns de jato de tinta são feitas para uso doméstico, com um volume pequeno de impressões, por isso, a sua estrutura e os componentes internos delas são frágeis e delicados. Portanto se você for utilizar um volume grande de impressões numa impressora comum de jato de tinta provavelmente você terá que substituir peças a cada 4 ou 6 meses. Isso já não ocorre nas impressoras a Laser, pois a sua estrutura já é mais robusta justamente por serem projetadas para comportar um volume maior de páginas impressas. 

Agora, se você precisa imprimir várias páginas por dia e precisa também digitalizar ou copiar documentos, então uma multifuncional a laser será a companheira ideal para você. 

 

Mesa de HomeOffice
Negócio foto criado por master1305 - br.freepik.com

 

ILUMINAÇÃO

Outro detalhe importante em um local de trabalho é a iluminação. Sabemos que nem sempre temos a melhor das iluminações em nossas casas, e muitas das vezes só conseguimos montar a estação de trabalho em um local que não recebe iluminação o suficiente. Por isso sempre que possível monte a sua mesa de trabalho numa posição em que consigas uma boa iluminação. Mas se isso não for possível, considere comprar uma luminária. 

Hoje em dias há vários modelos no mercado que você pode escolher para montar o seu home office com a sua cara. 

 

DETALHES & CORES

Por fim, detalhes nunca são demais, então cuide da ambientação do seu local de trabalho. Organize de uma forma que seja fácil para manusear os documentos ou itens que você irá mais utilizar. Pense na dinâmica de trabalho e no processo como um todo. 

Para tornar o dia a dia menos penoso, considere colocar alguns objetos que transmitam coisas positivas e que tenham alguma relevância para você. 

Cuide também com as cores dos objetos, pois em geral, muitas cores pesadas como preto, vermelho, azul, verde, roxo tendem a cansar e tornar o local de trabalho mais "pesado". Na medida do possível use cores claras e neutras, assim você terá um ambiente de trabalho mais clean, organizado e mais leve onde você dedicará longas horas em suas tarefas. 

 


Se gostou das nossas dicas então compartilhe com outras pessoas agora mesmo. 

 


CRÉDITOS:
IMAGEM DE CAPA: Foto criada por yanalya - br.freepik.com